ENSAIO SOBRE A LUCIDEZ DOS MEDIA, A CEGUEIRA DO POVO E A PUREZA DO CANIL

.

. 

– Boa noite! Eu sou o José Rodrigues Alberto Guedes de Carvalho Pinto e este é o Telejornal Nacional da Noite (!).

– Uma professora foi brutalizada e agredida durante uma aula de francês na Escola Carolina Michaelis por ter tirado o telemóvel a uma aluna…

(notícia seguinte)

Catástrofe em Freixo de Espada à Cinta provoca 300 000 mort…

zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz………………

Eu não sou ninguém, mas ando há muito tempo a dizer que este país adormeceu e vendeu a alma ao diabo, leia-se, aos media!

Muito mal vai um Estado onde uma comunicação social podre de oportunista e sensacionalista abre meia dúzia de sessões noticiosas com uma «lana caprinice» destas.

Depois de toda a gente ver tudo escarrapachado no youtube, resolvem enevoar os rostos como se isso desse um ar mais púdico à coisa! Que estupidez!

Como se esta fanfarronice televisiva, tão apreciada pela prolífera camada bacoca do zé povo, não bastasse, eis que Sua Exa. o Sr. Procurador-geral da República, pessoa por quem, aliás, nutro simpatia, resolve alinhar, ao transformar esta trivialidade na sua primeira linha de acção, destituindo a pobre menina a carcereira e o pobre operador de câmara a um arruaceiro da pior espécie, falando mesmo em penas de crime público para ambos!

O primeiro a acordar deste sono criogénico foi o Bastonário da Ordem dos Advogados; tão cáustico quanto lúcido e assertivo, como é seu apanágio, veio a terreno tentar abanar o PGR e dizer-lhe que se devia preocupar era com crimes a sério e não com coisas mundanas que a ditadura dos media transforma em frondosos acepipes noticiosos e gosta de servir bem quentinhos à populaça! E tem toda a razão! Todinha! Aliás, já mencionei e «condecorei» o Dr. Marinho Pinto no meu blogue a propósito de uma arrebatadora entrevista que deu a Judite de Sousa onde, com meia dúzia de disparos afundou outros tantos porta-aviões da pseudo-democracia portuguesa.

Vamos lá desmistificar isto!

Que ninguém ouse pensar que o Dr. Marinho Pinto não repudia veementemente aquele acto e não o ache infame! O que ele acha é que cenas daquelas há-as aos pontapés por esse país fora e muitas outras bem piores com agressões consumadas. O que ele quer dizer, e eu assino de cruz, é que se trata de um problema que as políticas laxistas e libertinas deixaram alastrar, por muito que um reles punhado de opinadores argua umas patacoadas, imputando a culpa aos professores. E não é o PGR que deve tratar disso, mas sim o Governo com medidas drásticas, e já!!!

As domésticas salas de jantar em que muitos alunos transformam a sala de aula, o pai ou a mãe que muitos alunos vêem no professor para, de uma forma «tu cá – tu lá», ombrearem em termos de autoridade, são o reflexo da estupidificação total da sociedade e, tal como um criminoso nada tem a perder, esfaqueando ou abrindo fogo a troco, por vezes, do simples silencio, também estes alunos, cientes da impunidade e bandalheira, gozam da cumplicidade do sistema para fazerem dos professores fantoches. E há-os às paletes e muitos também estão no youtube!

Portanto, queiram fazer o favor de colocar o despertador ao PGR e aos Media, pois o que aconteceu no Carolina Michaelis é mel, comparado com o que grassa por esse país fora. Abram os telejornais com homens a morder em cães e não com cães a morder em homens, pois estes cães existem porque não têm domadores. Se o Ministério da Educação e o Governo não racharem a cabeça ao meio para lá meterem a ideia de que certos cães precisam de chicote para serem domados, continuaremos com uma escola inclusiva sim, mas anti-democrática, onde os pitt-bulls e os rottweillers aporcalham por completo o canil e onde os cocker-speniells, os labradores e os golden-retrievers sentem a sua pureza em risco.

Paulo Carvalho

 

8 responses

30 03 2008
Isabel Henriques

Assino por baixo!!!
Na minha escola já sucederam coisa semelhantes e pouco ou nada foi feito.
O poder dos conselhos executivos é cada vez maior, e não sendo eles que lidam com os alunos nas salas de aula, nada fazem. Nem sequer aplicam as medidas que a lei 30 ou 3 (não sei qual delas a melhor) indicam. Será que é só na minha escola que não se faz nada. Quando comecei a dar aulas (mais ou menos 20 anos… há!!! correcção! menos dois- porque estivemos congelados) eram os professores do Conselho de turma que tomavam a decisão final da medida à aplicar, no meu entender era o melhor. Mas desde ai só inventaram e cada vez para pior!
Por um lado penso que foi bom ser visto o que acontece, e muito, nas salas de aula pois se assim não fosse não de falaria sobre este assunto. É penha que nada ou pouco será feito.
I.H.

31 03 2008
Helena

Já escrevi em qualquer sítio, não sei bem onde e também não interessa, que qualquer dia, neste país, se irão erguer estátuas aos adolescentes histéricos e mal-educados, sem a mínima noção de respeito e tudo o mais, se irão erguer estátuas aos bandidos e a todos os socretinos.
Quanto aos professores, esses, irão parar ao olho da rua, com processos disciplinares e afins, caso tentem salvaguardar a sua integridade física e moral.
Não tarda, como uma colega já fez (ver revista Sábado) fazemo-nos acompanhar de um cão para a escola, raça pura, e que esteja treinado para farejar os futuros de amanhã.

31 03 2008
lurdes dinis

Genial!!
Com um comentador destes na TV…talvez as coisas mudassem um pouco.
Um abraço…que tenhas mais rasgos de lucidez nesta terra… onde tantos andam cegos.

31 03 2008
Tb Professora

Isto é que devia chegar a Lisboa – e a toda a parte!

1 04 2008
Domingos Aguiar

Mais uma vez de acordo. Sempre ouvi dizer que” para grandes males grandes remédios”, mas o remédio nas Escolas é a burocracia instalada e criada pelo Ministério da Educação, que só dá origem a impunidade e falta de eficácia, nas medidas correctivas para os alunos com mau comportamento. Depois instala-se a falta de respeito pelos agentes da Educação. Muitos alunos transportam consigo problemas alheios à Escola, mas é nela que os descarregam! A falta de roupa de marca por exemplo… Depois a culpa é dos Profes e dos Funcionários de Acção Educativa! Em relação ao Paulo de Carvalho, acho que tem dado um contributo muito forte para diagnosticar as doenças instaladas na Educação em Portugal, e por isso, dou-lhe os meus parabéns!

1 04 2008
arturcarvalho

O melhor comentário que o teu escrito me merece é que o linkei no meu blog. Está a ficar um mestre na escrita cáustica e crítica. O Correio da Manhã ainda te chama para o lughar do Rangel. Não te cuides…
Um abraço.
P.S.: por aqui estás a fazer um sucesso. As cópias dos teus escritos (com o teu nome ) tirados do blog chegam-me por todos os lados. E olha que tenho cerca de 500 contactos de e-mail!
Força companheiro. Vamos fundar um movimento!

1 04 2008
António Ferrão

Magnífico

2 04 2008
maria teresa paiva

Parabéns!Escreve mas primeiro informa-se…
Os C.E. foram adquirindo cada vez mais poder e diistribuindo cargos conforme os «boys» e «guirls» se íam portando bem,trabalhavam para o sucesso estatístico exigido pela 5 de Outubro.Alguns cargos são vitalícios!!!!
Por sua vez os «carreiristas» no totobola da distribuição de cargos de titulares ultrapassaram colegas com mais preparação científica,mais tempo de serviço e que ,por não abdicarem de verdadeiramente avaliar alunos,foram ultrapassados e humilhantemente serão agora avaliados por esses «animadores».Nessa altura os carreiristas não fizeram luto nem denunciaram e não foram humildes.
Os erros cometidos e que continuam a repetir-se levam o País para a cauda do conjunto alargado de países e destruiu já o ENSINO PÚBLICO.Cada vez será mais elitista o acesso à alfabetização e à literacia.
O ambiente nas Escolas é já de auto-promoção,insinuação,rastejante,….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: